quinta-feira, maio 04, 2006

Líder precisa-se

D. Riça, perante a recusa da Achadiça, que por certo já é do seu conhecimento, em assumir a liderança política do MRMCS (Movimento Reivindicativo do Mulherio de Canas de Senhorim), alegando no seu declinar que as suas convicções seriam facilmente abaladas ao primeiro catrapiscar de crista que lhe fosse dirigido por algum dos elementos da oposição, que como sabe, militam no partido mais controverso do nosso palco político – O PH (Partido dos Homens) – não confundir com o ilustre e farto galo sportinguista, que de pinto já só lhe resta o nome, nem com teores alcalinos ou outras simbologias incendiárias), julgo reconhecer na minha amiga as condições requeridas para abraçar a presidência desta causa. Tem o dom de cacarejar soberbamente na nossa capoeira e os assuntos do Quintal são abordados de forma tão elucidativa que o meu Almerindo, sempre que falo de si e dos seus escritos, fica logo atiçado como frango do Paço a desfilar no Rossio e incomodado vocifera “vê lá mas é se não te metes em caldinhos”. Enfim, ainda arremata defendendo que as lutas políticas são coisas de macho, sobretudo tratando-se de presidentes de capoeira com aspiração a poleiros mais elevados ou de movimentos populares amotinados, com correntes, penas pelos ares, polícia, GNR, padre e bombeiros, tudo à mistura, ignorando indulgentemente que as nossas motivações são outras e as formas de luta bem menos pacíficas.
Nas suas arengas históricas, a minha amiga veio introduzir finalmente alguma imaginação no galinheiro, pois começo a cansar-me de diálogos de crenças e comentários de tasca, cujo único propósito é os galos terem um espaço para estarem uns com os outros, que é onde se sentem bem, nem que tenham de fazer de conta que se trata de assuntos sérios e mágoas legítimas.
A minha amiga tem o potencial político e a imaginação necessários à causa que eu defendo. Aliás, que eu aqui pretendo defender – no Mulherio de Canas. Refiro-me ao velho e estafado problema da desigualdade que se verifica em todas as capoeiras entre galos e galinhas, independentemente das causas políticas que oponham os respectivos líderes. Mesmo correndo o risco de ouvir a ironia do meu Galo, “a ilustração já chegou ao galinheiro”, diria que se trata de um assunto de máxima urgência, ou extinguir-se-ão as grandes galinhas que, como convém, devem estar por detrás dos grandes galos, e diria mais, pela frente, de lado, por cima ou por baixo, mas estando, que é como quem diz, fazendo cumprir. Acredite, Riça, que há assuntos domésticos que galinhas politicamente responsáveis, como nós, não podemos ignorar, sob pena de pormos em risco, não só, a sanidade da capoeira, do Quintal e,até, o próprio futuro da espécie.
Gostaria de ver a minha amiga discorrer a sua prosa sobre estas questões com o mesmo empenho que vem colocando nas suas crónicas e que considerasse a possibilidade de assumir a liderança política do MRMCS.
Aguardo resposta.

Boas minhocas
Cristalinda

22 comentários:

Cingab disse...

:P

Achadiça disse...

querido galo cingab,
permita-me esta intimidade, mas foi a palavra querido aquela que me ocorreu quando ou(vi) o seu cantar logo pela manhã. Bem sei que não é galo madrugador, a avaliar pelas horas do cantorio. Tivesse o querido hábitos de aurora e quem sabe se não estaria predestinado a outras práticas que não a dos berloques. Segundo inconfidências da minha amiga riça, galinha bem informada, o querido passou de conformado a encoberto, qual dom sebastião primeiro predestinado a salvar o galinheiro de abutres instalados e outros a instalar neste denso nevoeiro que é a cena política canense...será? Não gostei desta infeliz comparação pois a "morrer devagar" já andamos nós à muito tempo e o que menos precisamos é de desejados e adormecidos, mas o cingab sabe como é a riça e a sua visão histórica dos factos. Pois, seja como for, auguro-lhe um futuro promissor se optou por assumir algum protagonismo político para além e aquém dos berloques. Se assim não for, há mar e mar há ir e voltar e as suas bicadas virão inevitavelmente dar à costa, contrariamente ao outro desejado que jaz e arrefece algures amortalhado.

B> desta :» que o considera

Cristalinda disse...

Muito mal informada deve andar a amiga Riça. Então o Cingab, nesta conjuntura desfavorável, como afirma o Líder plagiando o Boaventura, é que vai fazer política (bem, não tem feito outra coisa) mas estou a falar de atitude no terreno! Agora é tempo de relaxar e choramingar migalhas mesmo que a custo de birras e de ausências. Por falar disso o Líder já explicou porque não esteve presente na AM? Ainda não ouvi nada de concreto. O pior para o Cingab, mesmo que tenha no seu horizonte algum protagonismo político, é falta de espaço e de corpo de segurança, não vá o braço armado do movimento querer conhecer-lhe a cor das cuecas.

B~ (Boas minhocas)

Galinha Riça disse...

Ó meninas mas onde foram vocês buscar essas ideias de que o Cingab ia salvar o galinheiro e que preparava no seu afastamento opinativo para protagonizar qualquer acto político. Sinceramente…o que eu disse, aliás insinuei, foi que talvez tenha finalmente percebido o quão ingratas e minadas são as pequenas tribunas políticas, mesmo que virtuais, e que num rasgo de entendimento tenha, tal como D.Sebastião I insatisfeito com o seu pequeno reino, desaparecido envolto num tabu, de que ele tanto aprecia, e partido para outras patrióticas cruzadas. Dessas cruzadas dá ele conta na sua crónica ”Portugal marca!...”. Factos. Só me baseio em factos. Cuidado com as suposições minhas queridas.

Bons repenicos

CSI-Horacio disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Cingab disse...

@Achadiça,
Querida!... lol
Queira saber que não entendi patavina do que escreveu neste seu comentário, principalmente à introdução de galo madrugador... mas deve ser problema meu!

@Cristalina
idem!... lol
Sabe, este fim de semana apanhei um virus que me obriga a "ir para a cama com as galinhas" e andar encoberto com uns lençóis e edredon... Só me dá para vomitar!...

Cristalinda disse...

Cingab
Se esse vírus é assim tão eficaz que o "obriga a ir para a cama com as galinhas", espero que não exista antivírus para tão abençoada virose. Faça o favor de reunir todos os seus amigos e conhecidos, contamine-os como e quando puder e devolva-os aos seus poleiros. A galinhagem agradece e promete tréguas até à confirmação da eficácia dessa revolucionária “pedra-filosofal “.
Já agora, Cristalina era a minha avó materna, eu sou mesmo Cristalinda, Crista por parte do pai e Linda por natureza.

Cristalinda disse...

Também sou convencida, vaidosa, orgulhosa e teimosa. Enfim...sou a campeã da humildade.

Cingab disse...

@Cristalinda,
lol
não me apraz dizer nada!...

Achadiça disse...

cingab
As minhas amigas estão tão deleitadas com a sua presença aqui no mulherio que se permitem bicar em todas as direcções sem tino nem siso. Já tive que pôr travão a algumas bicadas mais incisivas não fosse o querido melhorar da sua abençoada doença. Afigura-se-me que temos que o preservar nesse estado febril, uma vez que os sintomas são auspiciosos. Se excluirmos a parte dos vómitos que não são de todo recomendáveis aos nossos propósitos o querido é a cobaia perfeita para desenvolver a cultura bacteriana necessária à erradicação da corporose que nos atormenta. A patente da promissora vacina ficará em seu nome e a comercialização ao seu cuidado. Conserve-se enquanto estudamos a maneira de lhe retermos a vomição.
cingab amigo a cura está contigo

B>

Achadiça disse...

então cingab…não entendeu patavina!
hoje cantou pelas 10:11 AM, com um lindo sorriso ternurento, bem sei, mas a essas horas onde é que já ia a aurora...esta aurora é uma referência sub-reptícia atribuída à amiga T., franga muito querida entre nós, que tem um fetiche sexual muito especial e que a leva, pela madrugada, ao raiar da aurora e com um copito a mais, a frequentar matas convidativas ali para os lados das laceiras. Imbuída de evocações espirituais e aprendiz de ioga e outras ginásticas orientais entrega-se aos primeiros raios de sol com o mesmo fulgor que a amante copioso. Chega a casa extenuada mas à tarde, quando a encontramos, traz estampado no rosto um ar de satisfação e de preenchimento que nos causa inveja e silêncios incómodos a todas. Esta da aurora era para me meter com ela e não consigo. Quanto ao resto, vai para aqui uma grande confusão com o seu declarado interregno naquele outro capoiero onde me iniciei, que de resto a própria riça já veio a terreiro esclarecer.
Como vê eu sou de explicar, assim seja o querido de bicar

B>

Cingab disse...

Não me queiram candidato a nada... Outros valores mais altos se levantam

Galinha Riça disse...

Cristalinda
Obrigada pelas palavras elogiosas que me escreveu e pelo honroso convite que me dirigiu, porém...

PortugaSuave disse...

Isto está muito animado por aqui.
Cingab parece que caiu no goto das meninas, perdão, galinhas.

Cingab disse...

@Portuga suave
Pois é!
E logo agora que ando a arroz e caldos de galinhas e cebola...
Tento manter a crista no ar, mas com dificuldade... Bem, não há maleita que sempre dure!

PortugaSuave disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
PortugaSuave disse...

Cingab
Olhe que no contexto deste blog dormir com as galinhas e andar a canja de galinha é sinal de virilidade. Essa sua doença cheira-me a desculpa para se encostar aqui ao mulherio e descansar de outras preocupações. É legítimo e elas merecem.

Cingab disse...

@portugasuave,
mas, de facto, estou doente!

PortugaSuave disse...

Então o que lhe desejo é que recupere rapidamente e que volte à liça, pois aquilo lá pelo canasesenhorins está a descambar

Cingab disse...

@Portugasuave,
Não é de bom tom comentar aqui o que se passa no Blogue dos Blogues canenses... Dir-lhe-ia apenas que, tal como o Sol, o veneno quando nasce é para todos! :P

Achadiça disse...

então meninos
isto aqui agora é o retiro dos desiludidos...já não chega a nossa desilusão ainda trazem a vossa. vamos lá animar
prá desilusão nada melhor que alguma animação

portugas
já não o via há tempo.fique sabendo que aprecio a fachada do seu capoeiro, faz-me lembrar os meus tempos de pintainha

Cingab disse...

venho cá para ver o avatar